“Torcemos para isso”, diz João Marcelo sobre o fim da reeleição

Por Luís Pablo Política
 
Roseana Sarney e os peemedebistas

Roseana Sarney e os peemedebistas

O deputado federal João Marcelo (PMDB-MA) conversou com o editor do Blog do Luis Pablo sobre a reunião que ocorreu ontem, dia 18, com os prefeitos eleitos do PMDB, a ex-governadora Roseana Sarney e o senador João Alberto.

O encontro ocorreu na casa de Remi Ribeiro, secretário-geral do partido e atual presidente estadual em exercício.

Deputado João Marcelo

Deputado João Marcelo

João Marcelo disse que a reunião foi “muito boa” e que a pauta foi para discutir sobre as administrações municipais.

Indagado sobre a possibilidade da ex-governadora Roseana disputar as eleições em 2018, João Marcelo falou que o jogo está em aberto.

“Está em aberto. Ela [Roseana] ou João Alberto. Os prováveis [candidatos]”, disse.

Sobre o fim da reeleição, que já avança no Senado para ser aprovado, o parlamentar revelou que o seu grupo é favorável para que aprovem a PEC. “Torcemos para isso”, revelou.

A aprovação do fim da reeleição assusta o grupo do governador Flávio Dino, que já demonstra preocupação com o retorno do grupo Sarney ao comando do Maranhão.

Veja o depoimento da mãe que matou filha com requintes de crueldade no MA; relato de delegado é chocante

Por Luís Pablo Polícia
 
Deilandia dos Santos, acusada de matar a própria filha de 3 anos

Deilandia dos Santos, acusada de matar a própria filha de 3 anos

Deilandia dos Santos Assunção, acusada de assassinar a própria filha de três anos, falou com a reportagem do Giro Geral sobre o caso que aconteceu no município de São Domingos no Maranhão.

Ao repórter, ela disse que “não matou [a filha] porque quis” e que tudo começou quando jogou ela no banheiro por está chorando. Após constatar que a criança estava morta no dia seguinte que havia batido a cabeça no banheiro, Deilandia falou que não levou a filha para o hospital “porque ficou com medo”.

O delegado responsável pelo caso disse que Deilandia dos Santos confessou as torturas que faziam com a filha, juntamente com o marido, que vem ser padastro da criança. “Todas as atrocidades que ela fez foi com a participação do seu companheiro, seu Antonio Matias. Ela até relatou que ele abusava sexualmente da sua filha, passava constantemente a mão nos órgãos genitais da criança, introduzia o dedo na vagina da criança, quer dizer um monstro igual a ela”, disse.

Ainda segundo o delegado, a mãe falou que a padastro chegou a quebrar o pé da criança pisando de forma proposital. Uma verdadeira barbaridade. “Inclusive ela disse que a perna da criança quem quebrou foi ele, pisou com o pé de propósito deliberadamente para que a criança sofresse. Então eles fizeram todo tipo de crueldade com essa pobre criança, que infelizmente veio a óbito”, contou o delegado.

Clique e veja:

BARBÁRIE! Adolescente é encontrada esquartejada em São Luís

Por Luís Pablo Crime / Polícia
 
Raíssa Melo Diniz tinha 17 anos

Raíssa Melo Diniz tinha 17 anos

Mais um crime com requintes de crueldade foi registrada em São Luís-MA. Nesta sexta-feira (18), o corpo de uma adolescente de 17 anos foi encontrado em pedaços e queimado na região do Alto da Esperança.

Raíssa Melo Diniz estava desaparecida há cinco dias. A mãe da vítima, em entrevista à Rádio Mirante AM, disse que ela saiu da casa da avó, nas proximidades de onde possivelmente ocorreu o crime, para dormir em casa, mas nunca apareceu.

Ainda de acordo com a mãe, ela não tinha inimizades.

Porém algumas informações repassadas à polícia afirmam que a jovem andava na companhia de traficantes da região.

O caso será investigado pelo delegado Walter Wanderley, titular do 5º DP no Anjo da Guarda.

Mais de 33 mil beneficiários do Bolsa Família são investigados no Maranhão

Por Luís Pablo Maranhão
 

Segundo cruzamento da Receita Federal, do Tribunal Superior Eleitoral, do Tribunal de Contas da União e do Ministério Público Eleitoral, quase 34 mil beneficiários do programa Bolsa Família estão sendo investigados no Maranhão, dentre eles, servidores públicos, empresários e até pessoas mortas.

A Prefeitura de São Luís já está com os nomes dos suspeitos em mãos, mas ainda está organizando cruzamento dos dados para ter uma ideia do tamanho do prejuízo.

Para que isso seja feito, a Prefeitura precisa que os nomes sejam disponibilizados de forma digital, pois em uma relação impressa, considera “impossível fazer” o cruzamento dos dados.

Os documentos apontam ainda que 2.400 pessoas no estado receberam dinheiro do Bolsa Família mesmo depois de mortos.

Ao todo, já foram mais de R$ 70 milhões em prejuízo aos cofres públicos.

Após encontro de Roseana, Jerry anuncia reunião de Flávio Dino com prefeitos

Por Luís Pablo Política
 

jerry

Foi quase que instantânea a reação do governo comunista ao saber do encontro da ex-governadora Roseana Sarney com prefeitos eleitos e reeleitos pelo PMDB.

O secretário estadual de Comunicação e Articulação Política, Márcio Jerry, por meio das redes sociais, anunciou que Dino tem reunião com vários prefeitos eleitos e reeleitos.

“Prefeitos e prefeitas eleitos/reeleitos confirmaram presença no Encontro com o Governador Flávio Dino no dia 1o de dezembro, em São Luís”, disse.

Pelo visto, a aparição da ex-governadora movimentou o Palácio dos Leões nesta sexta-feira (18).

2018 COMEÇOU! Roseana Sarney se reúne com prefeitos eleitos

Por Luís Pablo Política
 

pmdb1

As articulações para as eleições 2018 já estão a todo vapor. Nesta sexta-feira (18), a ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) esteve reunida com prefeitos eleitos e reeleitos pelo PMDB.

O encontro ocorreu na casa do presidente em exercício da legenda no Maranhão, Remi Ribeiro. E contou com quase todos os 22 prefeitos que saíram vitoriosos nas eleições municipais de outubro.

O PMDB, vale destacar, levou a melhor em grandes cidades do Estado, como Imperatriz, por exemplo. Assis Ramos, que comandará a cidade a partir de 2017, era um dos presentes na ocasião.

E se alguém achava que Roseana era carta fora do baralho em 2018, terá que repensar bem sobre o assunto após o encontro de hoje.

pmdb2-768x576

Empresa Novo Mundo é mais uma beneficiada na Máfia da Sefaz

Por Luís Pablo Política
 
Presidente do Grupo Novo Mundo, Carlos Luciano Martins Ribeiro.

Presidente do Grupo Novo Mundo, Carlos Luciano Martins Ribeiro.

Segundo relatório divulgado no Blog do Neto Ferreira, através do Núcleo de Estudos Econômico-Fiscais da Sefaz, a empresa liderada pelo empresário Carlos Luciano Martins Ribeiro, Novo Mundo Amazônia Móveis e Utilidades Ltda, também obteve benefícios financeiros na Secretaria estadual de Fazenda (Sefaz).

Documentos apontam que a empresa foi beneficiada com a prestação da carga tributária de 4% sobre o valor das operações de saídas internas, e 2% sobre o valor das operações de saídas interestaduais, inclusive quando realizadas entre suas filiais.

Ainda de acordo com o documento, no software da Declaração de Informações Econômico-Fiscais – DIEF, não é registrado pela empresa a importância do crédito presumido concedido pelo regime especial analisado.

Cerca de 190 empresas foram beneficiadas na Máfia Sefaz, que era liderada por Cláudio Trinchão, ex-secretário de Estado da Fazenda.

O prejuízo aos cofres públicos foi de mais R$ 410,5 milhões.

novo-mundo2

Presidente do MA Basquete ingressa na Justiça e cobra R$ 1,7 milhão da Ambev

Por Luís Pablo Esporte
 

O Estado

Betinho ingressou na Justiça para cobra R$ 1,7 milhão da Ambev

Betinho ingressou na Justiça para cobra R$ 1,7 milhão da Ambev

O Maranhão Basquete ingressou na Justiça contra a Ambev cobrando R$ 1,750 milhão referente a cotas de patrocínio de duas temporadas. Por causa do calote, o clube está com dificuldade para honrar seus compromissos com jogadoras, comissão técnica e fornecedores. Com isso, o time não disputará a Liga de Basquete Feminino (LBF) 2016/2017.

O presidente do Maranhão Basquete, Herbert Lima, o Betinho, disse que houveram inúmeras tentativas de tratativas para que a Ambev efetivasse o pagamento, no entanto, sem alcançar êxito, abriu a ação na Justiça. “Eles estão nos devendo R$ 650 mil referentes as duas últimas cotas da temporada 2015 e R$ 1,1 milhão deste ano. Eles deixaram de pagar as duas últimas cotas do ano passado e não pagaram nenhuma cota deste ano. Nós tentamos entrar em contato com a Ambev para mediar pelo menos um acordo, mas não conseguimos. Como estamos sendo cobrados e não temos como pagar, a gente foi obrigado a entrar na Justiça contra a empresa”, explicou. A ação foi aberta no inicio do mês passado e corre 15ª Vara Civil.

O dirigente disse estar constrangido com as cobranças que vem recebendo, principalmente, das atletas. “Como não recebemos o patrocínio da Ambev, não tivemos como honrar as duas últimas folhas da temporada 2015. Uma as atletas é a Iziane, que entrou na Justiça nos cobrando os salários não pagos. Além, delas, estamos devendo membros da comissão técnica e fornecedores, como hotel, entre outros. A situação é constrangedora, porque trabalho com basquete há mais de 18 anos e nunca fiquei devendo ninguém”, disse.

Por causa da dívida, Betinho já adiantou que o Maranhão Basquete não participará da LBF 2016/2017, prevista para começar ainda este mês. “Achamos melhor organizar a casa primeiro e depois a gente volta a pensar em competição. Nessa temporada, apenas a Potiguar nos patrocinou e foi quem nos ajudou a participar da competição. Se não fosse pela Potiguar não teríamos participado. Entretanto, a empresa só poderá nos ajudar no próximo ano. Com isso, decidimos nos preparar melhor para a outra temporada”, comentou.

Na temporada da LBF 2015/2016, o Maranhão Basquete foi eliminado na semifinal para o vice-campeão Corinthians, que na final foi derrotado pelo Sampaio Basquete.

A reportagem do jornal O Estado tentou entrar em contato com a assessoria de comunicação da Ambev, mas ninguém quis se pronunciar sobre o assunto.

Vale a Pena Ver de Novo! As duas faces do grupo de Flávio Dino na Assembleia

Por Luís Pablo Política
 
Marcelo Tavares, Othelino Neto e Bira do Pindaré

Marcelo Tavares, Othelino Neto e Bira do Pindaré

Na época em que integravam a oposição, os parlamentares do grupo dinista eram críticos ferrenhos e totalmente contrários aos empréstimos realizados pela então governadora Roseana Sarney.

Agora com o comunista Flávio Dino no comando do Governo do Maranhão, os mesmos defendem com veemência a necessidade dos inúmeros empréstimos colocados em pauta na Assembleia Legislativa. O último já aprovado, por exemplo, que é terceiro em menos de 40 dias, autorizou o Estado a contrair junto a Caixa Econômica Federal empréstimo de R$ 444.750.000,00.

Hoje, na Casa Legislativa, os deputados da oposição, relembraram justamente a mudança, no mínimo, questionável na postura de alguns parlamentares. Bira do Pindaré, segundo Alexandre Almeida, hoje é um “advogado de empréstimo”. Em 2012, quando Roseana conseguiu aprovar empréstimo no BNDES, Bira criticou.

“Esse pedido de urgência é a comprovação de que o governo quer aprovar esse empréstimo sem nenhum debate, sem nenhuma discussão, sem permitir que a gente faça qualquer sugestão de alteração, sem permitir que a gente aprofunde as razões desse pedido de empréstimo, sem permitir que a gente faça sugestões para melhorar o projeto”, disse na época.

Marcelo Tavares, hoje secretário da Casa Civil, chegou a dizer que era ilegal a forma como estava sendo realizado o processo e que poderia significar a quebradeira do Estado do Maranhão.

Da mesma forma, em 2013, em discurso na tribuna (veja abaixo), Othelino Neto, também criticou a forma como o Poder Executivo [na época do governo Roseana] solicitou aprovação da contratação de empréstimo pelo Governo do Maranhão e chamou os então gestores de arrogantes por não permitir que se discuta o assunto no Poder Legislativo.

E tudo que foi criticado antes, é exatamente o que está sendo feito por eles agora. Mas é como diz o ditado: pimenta nos olhos dos outros, é refresco!

Luciano Genésio considera proposta de aumento salarial imoral

Por Luís Pablo Política
 

luciano-genesio

Prefeito eleito para comandar Pinheiro a partir de janeiro de 2017, Luciano Genésio se pronunciou sobre a polêmica envolvendo a proposta de aumento salarial feita pela Câmara.

A proposta, que foi feita pelo vereador Stélio Cordeiro (PSDB), pede um aumento nos salários do prefeito, vice-prefeito e secretários municipais no ano que vem.

Por meio de sua página no Facebook, Genésio, que seria o maior beneficiário caso a proposta se concretizasse, se mostrou contrário ao aumento e ainda, o considerou imoral.

“Eu, João Luciano Silva Soares, Prefeito Eleito da Cidade de Pinheiro-MA para o exercício 2017-2020, venho publicamente afirmar que sou contra o reajuste salarial que é legal, porém, não é moral, tendo em vista a grave crise financeira que vem assolando os municípios e o país”, afirmou.

Veja abaixo detalhes da proposta:

aumento